O QUE É A

PNEUMONIA ATÍPICA?

 

 

A pneumonia atípica, essa doença que tanto ouves falar na televisão, é causada por um vírus. Um vírus é um microrganismo tão pequeno que só se consegue ver utilizando microscópios especiais. Para sobreviver, ataca e mata algumas células dos animais ou das plantas.

 

Como já ouviste falar as classes de animais e plantas são classificadas pelos cientistas. Por exemplo, os gatos, os tigres e os leopardos são classificados como felinos. Também os vírus são classificados em vários tipos. O vírus da pneumonia atípica é da família dos corona vírus. Chama-se assim porque apresenta uma espécie de coroa á sua volta (o nome corona vem do latim e significa coroa).

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Existem muitas espécies de corona vírus e não costumam ser muito perigosos. Por exemplo, a maior parte das vezes, quando estás constipado, o vírus que provoca essa constipação é um corona vírus só que o corona vírus que causa a pneumonia atípica é um vírus diferente daquele que te provoca as constipações e diferente de todos os outros.

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Não se sabe como nem porquê, mas o corona vírus que provoca a pneumonia atípica sofreu uma série de alterações que fez com que ficasse muito perigoso. Essas alterações chamam-se MUTAÇÕES.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Essas mutações ocorrem no material genético do vírus, ou seja, no seu DNA. Quando isso acontece, o vírus transforma-se e todos os vírus “filhos” do vírus da mutação, têm essa mutação.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Ao saírem da China, muitas pessoas que viajaram de avião para outros países muito mais distantes como o Canadá, Estados Unidos da América e alguns países europeus, sem saberem, transportaram consigo o vírus para esses países onde infectaram outras pessoas. É por isso que nos aeroportos estão a fazer um controlo das pessoas que saem dos aviões que vêm da China e dos paises à sua volta.

 

 
Os cientistas pensam que essas alterações ocorreram algures na China, pois foi neste país que apareceram infectadas as primeiras pessoas.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Esse controlo permite rapidamente identificar possíveis doentes e tratá-los logo antes que eles transmitam a doença a outras pessoas.

 

As pessoas podem ficar infectadas com o vírus da pneumonia atípica quando outras pessoas infectadas, por exemplo, espirram perto das pessoas que não têm o vírus. As gotas que saem do espirro contêm milhões de vírus que podem chegar às pessoas que estão à volta.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


                  Por isso, é muito importante que, quando estás constipado e espirras, coloques a mão ou um lenço à frente da boca pois podes, sem querer, fazer com que os vírus que estão no teu corpo possam chegar às outras pessoas....

Quando o vírus da pneumonia atípica entra no corpo das pessoas, só passado cerca de 3 a 10 dias é que aparecem alguns sintomas e a pessoa percebe que está doente. Este período, em que o vírus está no nosso corpo mas não sentimos nenhum sintoma (dor de cabeça, nariz entupido, etc) chama-se período de incubação.

 

 

Quais são os sintomas da Pneumonia Atípica? (exemplos)

 

-          nariz entupido e espirros

-          febre alta (a partir de 39ºC)

-          dores nos músculos e articulações do ossos

-          dificuldade em respirar

-          dor persistente no peito

 

 

 


           Mas atenção! Estes sintomas são muito parecidos com os das constipações e da pneumonia normal que as pessoas às vezes têm. Por isso, se tiveres alguns destes sintomas não quer dizer que estás com pneumonia atípica!!! Só um médico quando te observa e manda fazer alguns exames é que te pode responder a essa dúvida!!!...

Além disso, não são conhecidos ainda casos de pneumonia atípica no nosso país.

 

 

Mas... porque é que se chama pneumonia atípica?

 

Atípica quer dizer “não típica” ou seja, é diferente da pneumonia normal de que já ouviste falar.

As principais diferenças estão no vírus que a provoca. Esse vírus é muito mais perigoso e muito difícil de matar e provoca danos muito graves nos nossos pulmões.

 

Espero que tenhas ficado esclarecido acerca da pneumonia atípica.

 

Se ainda tiveres alguma dúvida em relação a esta doença escreve para pmafra@netc.pt

 

Um abraço!

Paulo Mafra*

 

 

 

 

 

*Assistente do Departamento de Ciências da Natureza - Escola Superior de Educação de Bragança.

Docente das disciplinas de Microbiologia e Fisiologia Animal e Vegetal do Curso de Professores do Ensino Básico, Variante Matemática e Ciências.